nabocadanoite.com.br
Seja bem vindo
Nova pesquisa mostra Lula com quase o dobro de votos de Bolsonaro

O ex-presidente Lula segue liderando as pesquisas de intenções de voto para as eleições de outubro próximo. O mais novo levantamento mostra o petista com quase o dobro de votos do atual presidente.

A pesquisa, feita pelo Instituto Exatus e divulgada pelo jornal AGORA RN mostra Lula com 50,2% da preferência do eleitorado potiguar. Bolsonaro tem 27,4% dos votos.

O levantamento aponta ainda que Ciro Gomes (PDT), em terceiro lugar, tem 6,33% dos votos; seguido por Pablo Marçal (Pros), com 0,5%; Felipe D’Ávila (Novo), com 0,45%; Leonardo Péricles (UP), com 0,35%; Vera Lúcia (PSTU), com 0,3%; José Maria Eymael, com 0,15%; Simone Tebet (MDB) e Sofia Manzano (PCB), com 0,1%. O total de entrevistados que responderam votar em ninguém/branco/nulo foi de 7,85% e não sabem/não responderam, foi de 6,25%.

Em relação à pesquisa anterior, de julho, Lula subiu de 44,12% para 50,2% e Bolsonaro subiu de 26,52% para 27,4%. Ciro Gomes saiu de 6,83% para 6,33%.

Questionados se poderiam mudar o voto antes do pleito para presidente da República, 82,7% dos eleitores consultados responderam que não mudariam seu voto de forma alguma. Apenas 11,5% disseram que sim, que poderiam trocar de candidato até o dia das eleições. Não souberam ou não responderam à questão 5,9% dos consultados.

Foram entrevistadas 2 mil pessoas em 60 cidades do Estado. A pesquisa foi registrada na Justiça Eleitoral sob os números BR-07073/2022 e RN-05987/2022.

Jorge assume a presidência do Avante no RN

Diante de um salão lotado, o Presidente Nacional do Avante, Deputado Federal Luis Tibé, empossou Jorge do Rosário como presidente do Avante RN. O ato simbólico aconteceu na quinta-feira (30) durante o encontro estadual do Avante, no Hotel Villa Oeste em Mossoró.

Além de Tibé e Jorge, o evento contou com a presença do pré-candidato à presidência da república, André Janones, pré-candidatos a deputado estadual e federal, lideranças e um grande público vindo de todos os lugares do Rio Grande do Norte. “É muito bom estar aqui nesta noite e ser recebido por essa plateia calorosa, estou impressionado com a dimensão desse evento”, comentou Luis Tibé.

Em sua fala, logo após tomar posse como presidente estadual do partido, Jorge do Rosário disse que a noite era de muita felicidade para a família Avante, uma honra e uma responsabilidade assumir a presidência de um partido que está crescendo tanto no Brasil e no Rio Grande do Norte. O novo presidente estadual deixou claro que o partido tem uma meta para 2022 que é eleger 2 deputados estaduais e 1 federal.

Sobre sua pré-candidatura, Jorge disse que quem precisa de políticas públicas é o pobre, e que esse é o seu maior objetivo na política. “Política é um instrumento de transformação social e deve servir para melhorar a vida das pessoas. É esse o meu propósito na política e é isso que eu vou perseguir até quando eu puder”, disse.

O pré-candidato à presidência da República, Deputado Federal André Janones, agradeceu a receptividade e também mostrou-se surpreso com a quantidade de presentes no evento. “Sei da dificuldade que é reunir tanta gente, ainda mais em uma quinta-feira à noite. Parabéns Jorge do Rosário, tenho certeza que o seu trabalho será premiado”, disse o presidenciável

A nominata do Avante no RN é composta por 25 nomes para a Assembleia Legislativa e nove para a Câmara Federal.

 

Pesquisa Quaest mostra Lula com 17% de maioria sobre segundo colocado

Pesquisa Quaest/Genial divulgada nesta quarta-feira, 11/5, mostra o ex-presidente Lula com chances de vitória no primeiro turno. Ele tem 46% das intenções de voto, enquanto Jair Bolsonaro, o segundo colocado, chega a 29%. A maioria pró-Lula é de 17% em relação ao segundo colocado, que é o atual presidente.

Com 46%, Lula possui mais votos que todos os outros candidatos somados (44%) e, portanto, há a possibilidade de vitória no primeiro turno. No entanto, considerando a margem de erro de 2 pontos para mais ou para menos, a disputa também pode seguir para o segundo turno.

Atrás de Bolsonaro aparecem: Ciro Gomes (7%), André Janones (3%), João Doria (3%), Simone Tebet (1%), Felipe D’Ávila (1%) e Luciano Bivar (0%). A categoria ‘branco/nulo/não vai votar’ chega a 6%, enquanto 3% estão indecisos. Em todos os cenários considerados, Lula lidera com ampla vantagem.

A pesquisa ouviu 2.000 pessoas de 27 estados, face a face, entre os dias 5 a 8 de maio. O índice de confiança, segundo o instituto, é de 95%. A pesquisa foi contratada pelo Banco Genial e registrada no Tribunal Superior Eleitoral sob o número BR-01603/2022.

No segundo turno, Lula também vence em todos os cenários. Veja:

Lula: 54%

Jair Bolsonaro: 34%

Branco/nulo/não vai votar: 9%

Indecisos: 2%

Cenário 2:

Lula: 53%

Ciro Gomes: 24%

Branco/nulo/não vai votar: 21%

Indecisos: 2%

Cenário 3:

Lula: 58%

Simone Tebet: 17%

Branco/nulo/não vai votar: 22%

Indecisos: 3%.

Nosso e-mail: redacaobocadanoite@gmail.com

Nova pesquisa consolida liderança de Lula e reafirma chances de vitória do petista no primeiro turno

O Instituto de Pesquisas Sociais, Políticas e Econômicas (Ipespe) divulgou nesta sexta-feira, dados de mais uma pesquisa. Agora, o levantamento foi encomendado pela XP Investimentos e mostra, mais uma vez, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) liderando as intenções de votos e com chances de vencer a disputa no primeiro turno.

De acordo com a pesquisa, Lula com 45% das intenções de voto. O presidente Jair Bolsonaro (PL) aparece no segundo lugar, com 31%.

Na sequência aparecem Ciro Gomes (PDT), com 8%; João Doria (PSDB), com 3%, e André Janones (Avante) e Simone Tebet (MDB), ambos com 2%. Felipe d’Avila (Novo), Eymael (DC), e Vera Lúcia (PSTU) não pontuaram. Brancos e nulos totalizam 7% e aqueles que não sabem ou não responderam chegam a 2% do total.

O resultado da pesquisa mostra possibilidade de vitória de Lula no primeiro turno, já que a soma dos seus adversários alcança 46%, apenas um ponto percentual a mais do que o índice alcançado pelo ex-presidente. Em relação à sondagem anterior do mesmo instituto, o petista oscilou positivamente um ponto, o mesmo acontecendo com Bolsonaro.

Segundo turno – As simulações de segundo turno feitas pelo Ipespe mostram que Lula vence todos os demais adversários. Contra Bolsonaro, Lula vence por 54% a 34%. O ex-presidente também supera Ciro Gomes, 52% a 24%, e João Doria, 55% a 19%.

Em um cenário com Ciro Gomes e Jair Bolsonaro, o pedetista teria 46% contra 38% do atual presidente. A pesquisa aponta empate técnico em um eventual segundo turno entre Bolsonaro (39%) e Doria (38%).

A pesquisa Ipespe ouviu 1.000 pessoas por telefone entre os dias 18 e 20 de abril e está registrada no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) com o número BR-05747/2022. A margem de erro máximo é de 3,2 pontos percentuais para mais ou para menos.

 

Nosso e-mail: redacaobocadanoite@gmail.com

 

 

Pesquisa do Banco Pactual mostra Lula liderando em todos os cenários

A primeira rodada da pesquisa BTG/FSB, encomendada pelo Banco Pactual, consolida o favoritismo de Lula (PT). O ex-presidente aparece com 43% das intenções de voto, contra 29% de Bolsonaro (PL), que seria o adversário do ex-presidente num eventual segundo turno.

De acordo com o levantamento todos os demais sete nomes somam, juntos, apenas 24%. Nessa 3ª via, quem aparece melhor é Ciro Gomes (PDT), com 9%, seguido de Sérgio Moro (Podemos), com 8%. No cenário estimulado, apenas 5% dos eleitores não escolhem nenhum dos nomes.

Na disputa de 2º turno, Lula aparece com 54%, contra 35% de Bolsonaro. Nessa simulação, apenas 11% dos eleitores não votariam em um dos dois.

Hoje, 29% do eleitorado avaliam o governo Bolsonaro como ótimo/bom, 17% como regular e 53% como ruim/péssimo. Há 61% que desaprovam a forma como o presidente governa, contra 34% que aprovam.

O Instituto FSB ouviu 2.000 pessoas das 17h do dia 18 às 15h do dia 20, e a pesquisa está registrada no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) sob o número BR-09630/2022.

CENÁRIOS ELEITORAIS

1º TURNO

INTENÇÃO DE VOTO – ESPONTÂNEA

Lula – 38%

Jair Bolsonaro  – 27%

Ciro Gomes – 4%

Sérgio Moro – 3%

André Janones – 1%

João Doria – 0%

Felipe D’Ávila – 0%

Simone Tebet – 0%

Eduardo Leite – 0%

Outros – 1%

Nenhum – 7%

Branco/Nulo – 4%

NS/NR – 15%

 

INTENÇÃO DE VOTO – ESTIMULADA

Lula – 43%

Jair Bolsonaro  – 29%

Ciro Gomes – 9%

Sérgio Moro – 8%

João Doria – 2%

André Janones – 2%

Eduardo Leite – 2%

Simone Tebet – 1%

Felipe D’Ávila – 0%

Branco/Nulo – 4%

NS/NR – 1%

 

Nosso e-mail: redacaobocadanoite@gmail.com

 

Ciro Gomes anuncia suspensão de pré-candidatura à Presidência

O ex-ministro Ciro Gomes (PDT) anunciou hoje, por meio das redes sociais, que sua pré-candidatura à presidência da República está suspensa. A decisão foi tomada por Ciro após o seu partido decidir votar a favor da PEC dos Precatórios.

“Há momentos em que a vida nos traz surpresas fortemente negativas e nos coloca graves desafios. É o que sinto, neste momento, ao deparar-me com a decisão de parte substantiva da bancada do PDT de apoiar a famigerada PEC dos Precatórios”, escreveu o ex-ministro.

Ciro Gomes condiciona a manutenção da sua pré-candidatura à decisão do partido de retirar apoio à matéria, cuja votação em segundo turno deve acontecer hoje opu na próxima terça-feira.

“A mim só me resta um caminho: deixar a minha pré-candidatura em suspenso até que a bancada do meu partido reavalie sua posição. Temos um instrumento definitivo nas mãos, que é a votação em segundo turno, para reverter a decisão e voltarmos ao rumo certo”, justificou.

Ainda segundo Ciro Gomes, “não podemos compactuar com a farsa e os erros bolsonaristas”. E arrematou dizendo que não se pode confundir justiça social com corrupção e clientelismo. “Justiça social e defesa dos mais pobres não podem ser confundidas com corrupção, clientelismo grosseiro, erros administrativos graves, desvios de verbas, calotes, quebra de contratos e com abalos ao arcabouço constitucional”, finalizou.

 

Nosso e-mail: redacaobocadanoite@gmail.com

 

Lula vence todos os adversários em pesquisa Ipespe divulgada hoje

O Instituto de Pesquisas Sociais, Políticas e Econômicas (Ipespe) divulgou nesta quarta-feira, 3/11, mais uma pesquisa sobre a preferência do eleitorado para as eleições presidenciais do próximo ano.

De acordo com os dados, o ex-presidente Lula vence em todos os cenários de segundo turno, superando o presidente Jair Bolsonaro (sem partido), Ciro Gomes (PDT), Sergio Moro (Podemos), João Doria (PSDB) e Eduardo Leite (PSDB).

Por outro, Bolsonaro perde para Ciro Gomes e empata, dentro da margem de erro de 3,2 pontos percentuais, com os governadores de São Paulo e do Rio Grande do Sul, João Doria e Eduardo Leite.

No primeiro turno, um dos cenários aponta Lula com 42% contra 28% de Bolsonaro, 11% de Ciro Gomes, 4% de João Dória, 3% de Mandetta (DEM) e 2% de Rodrigo Pacheco (PSD).

 

Veja os números

Segundo turno

Lula – 50%

Bolsonaro 32%

Lula – 52%

Sergio Moro – 34%

Lula – 49%

Ciro Gomes – 29%

Lula – 51%

João Doria – 23%

Lula – 50%

Eduardo Leite – 22%

 

Bolsonaro perde pra todos

Ciro Gomes – 44%

Jair Bolsonaro – 34%

João Doria – 40%

Jair Bolsonaro – 35%

Eduardo Leite – 37%

Jair Bolsonaro – 34%

 

Nosso e-mail: redacaobocadanoite@gmail.com

 

Senador Jean presidirá Comissão da Crise Hidroenergética

O Senado instalou, nesta quinta-feira, 28/10, a Comissão Temporária Externa que irá monitorar e fiscalizar as causas e os efeitos da crise hídrica e energética no Brasil. Conhecida como Comissão do Apagão, o colegiado será presidido pelo Senador Jean (PT-RN) e terá como relator o Senador José Aníbal (PSDB-SP). A vice-presidência ficará com o Senador Veneziano Vital do Rêgo (MDB-PB).

No prazo de 180 dias, os parlamentares irão averiguar as causas e efeitos da crise hidroenergética que assola o país, acompanhar a atuação da Câmara de Regras Excepcionais para Gestão Hidroenergética (CREG), criada pela Medida Provisória nº 1.055/2021, e propor soluções que garantam a segurança energética e a modicidade tarifária do Sistema Elétrico Brasileiro (SEB).

“Vamos discutir a configuração do atual modelo, o papel do Estado, das agências reguladoras, o planejamento energético, papel da Eletrobras e a transição de novas fontes energéticas”, explicou Jean, Líder da Minoria e presidente da Comissão.

Apagão – Os parlamentares querem saber como, depois de 20 anos, o país chegou novamente às portas de um apagão.

“Nós temos a intenção de atuar não somente nessa situação imediata, mas pensando no futuro. Nós temos recorrentes crises energéticas, infelizmente, como a crise de 2001 e 2002. E, aparentemente, algumas lições não foram apreendidas. Por isso, precisamos revisar esses cadernos, ouvir novos agentes e especialistas que fazem parte desse setor”, esclareceu o presidente.

Nos últimos 20 anos, a capacidade instalada de geração de energia cresceu, mas com a redução da participação das hidrelétricas na matriz elétrica brasileira. Em 2001, essas usinas compunham 83,3% da matriz e, em junho de 2021, esse número encolheu para 64,9%, segundo dados do Operador Nacional do Sistema.

A redução do percentual de hidrelétricas é devida ao crescimento de outras fontes. A geração térmica é responsável hoje por 21,3% da energia gerada no país e fontes renováveis, como as usinas eólicas (10,6%) e energia solar (2%), também tiveram crescimento de participação na matriz elétrica nacional.

“Hoje mesmo eu estava vendo a minha nova conta de luz da residência. Ela subiu 20% com relação ao mês anterior. Esse impacto acontece com todas as famílias do Brasil que receberam as suas novas contas de luz. Isso é uma realidade e indica que a crise, apesar das chuvas que tivemos ultimamente, está longe de ser resolvida”, afirmou o relator, Senador José Aníbal.

A comissão também vai propor soluções que garantam a segurança energética e tarifas mais justas para todos os consumidores brasileiros. Ela funcionará nos mesmos moldes da Comissão Temporária da Covid-19 e será composta por 11 parlamentares.

Requerimento – Os Senadores também aprovaram, hoje, um convite para que o ministro de Minas e Energia, Bento Albuquerque, apresente os resultados iniciais da Câmara de Regras Excepcionais para Gestão da Crise Energética (Creg), que estabelece ações emergenciais de otimização dos recursos hidroenergéticos, com o enfrentamento da escassez de água e a garantia do suprimento de energia elétrica.

O relator adiantou ainda que o plano de trabalho da comissão será apresentado na próxima reunião da comissão. “Queremos produzir um bom relatório, com diagnósticos e com aprendizados que contribuam, inclusive, com o debate sobre os rumos do País ao longo do ano que vem”, declarou José Aníbal.

 

Nosso e-mail: redacaobocadanoite@gmail.com

 

Diretório do PSB em Mossoró tem novo presidente 

O diretório do Partido Socialista do Brasil (PSB) em Mossoró tem novo presidente. Trata-se do vereador em primeiro mandato Pablo Aires. O anúncio foi feito nas redes sociais pelo próprio parlamentar.

“Sempre fui de vestir a camisa daquilo que me proponho a fazer. Agora, em reconhecimento ao nosso mandato e trabalho na Câmara, o PSB passa a ser presidido por nós, em Mossoró”, escreveu Pablo Aires.

O vereador conclamou os mossoroenses para se filiar à sigla. “Junto com essa notícia, deixo o convite para que você venha construir o futuro com a gente. Se filie, ocupe espaços, seja candidato ou candidata, opine e vamos fazer do PSB um espaço de luta conjunta”.

Presidente estadual do partido, o deputado federal Rafael Motta parabenizou Aires pelo novo desafio. “Nosso PSB em boas mãos. Sucesso no desafio de presidir a nossa sigla em Mossoró. Conte com a gente”, escreveu nos comentários da postagem do vereador.

 

Nosso e-mail: redacaobocadanoite@gmail.com

 

Aldo Medeiros anuncia apoio a pré-candidata Vânia Furtado para a Subseção Mossoró

Cumprindo agenda na cidade de Mossoró, o primeiro encontro do presidente da Ordem dos Advogados do Brasil no Rio Grande do Norte ((OAB/RN) Aldo Medeiros, foi com a advogada e professora Vânia Furtado, em seu escritório. Aldo, pré-candidato à reeleição, fez oficialmente o anúncio de apoio a pré-candidatura de Vânia à presidência da OAB Subseção Mossoró.

“Estamos acompanhando todas as movimentações dessa pré-campanha em Mossoró e nos impressiona a receptividade do nome da advogada e professora Vânia Furtado”, pontuou Aldo Medeiros.

Ele ainda ressaltou que “os propósitos de Vânia para a Subseção Mossoró estão em acordo com os projetos que imaginamos para a OAB estadual. O fortalecimento institucional e a defesa da advocacia são nossa pauta comum”, disse Aldo Medeiros.

Ainda segundo Aldo Medeiros, o anúncio do apoio  representa o sentimento da advocacia de Mossoró e Região. “Os advogados  e advogadas já demonstram ter encontrado em Vânia uma pessoa que sabe ouvir e entender o sentimento da advocacia. Além de seu carisma é agregadora e sabe administrar e liderar”, observou.

A pré-candidata Vânia Furtado disse que esse momento é importante por representar o compromisso com a advocacia “para somar e seguir adiante com espírito de união pela Ordem, em defesa da nossa classe. Fico feliz por esse apoio oficial de Aldo Medeiros e reafirmo que caminharemos alinhados para uma Ordem democrática, com pluralidade de pensamento e união da classe”, afirmou Vânia Furtado.

Ainda segundo Vânia Furtado, seu compromisso também assumido em apoiar à reeleição de Aldo Medeiros é por entender e ter convicção de que o trabalho iniciado por ele em favor da advocacia do RN continuará avançando “para o fortalecimento institucional e a defesa de todos advogados e advogadas”.

Ela destacou ainda que a Ordem precisa melhorar “o que vem dando certo, abrir novos caminhos de conquistas e aproximar a nossa classe para que unida seja mais forte e Recebendo o apoio do presidente Aldo Medeiros para a nossa pré candidatura na OAB-Mossoró.

 

Nosso e-mail: redacaobocadanoite@gmail.com