nabocadanoite.com.br
Seja bem vindo
Jorge assume a presidência do Avante no RN

Diante de um salão lotado, o Presidente Nacional do Avante, Deputado Federal Luis Tibé, empossou Jorge do Rosário como presidente do Avante RN. O ato simbólico aconteceu na quinta-feira (30) durante o encontro estadual do Avante, no Hotel Villa Oeste em Mossoró.

Além de Tibé e Jorge, o evento contou com a presença do pré-candidato à presidência da república, André Janones, pré-candidatos a deputado estadual e federal, lideranças e um grande público vindo de todos os lugares do Rio Grande do Norte. “É muito bom estar aqui nesta noite e ser recebido por essa plateia calorosa, estou impressionado com a dimensão desse evento”, comentou Luis Tibé.

Em sua fala, logo após tomar posse como presidente estadual do partido, Jorge do Rosário disse que a noite era de muita felicidade para a família Avante, uma honra e uma responsabilidade assumir a presidência de um partido que está crescendo tanto no Brasil e no Rio Grande do Norte. O novo presidente estadual deixou claro que o partido tem uma meta para 2022 que é eleger 2 deputados estaduais e 1 federal.

Sobre sua pré-candidatura, Jorge disse que quem precisa de políticas públicas é o pobre, e que esse é o seu maior objetivo na política. “Política é um instrumento de transformação social e deve servir para melhorar a vida das pessoas. É esse o meu propósito na política e é isso que eu vou perseguir até quando eu puder”, disse.

O pré-candidato à presidência da República, Deputado Federal André Janones, agradeceu a receptividade e também mostrou-se surpreso com a quantidade de presentes no evento. “Sei da dificuldade que é reunir tanta gente, ainda mais em uma quinta-feira à noite. Parabéns Jorge do Rosário, tenho certeza que o seu trabalho será premiado”, disse o presidenciável

A nominata do Avante no RN é composta por 25 nomes para a Assembleia Legislativa e nove para a Câmara Federal.

 

Mossoró ganha nova Central do Cidadão

Em agenda pela região Oeste do Estado, a governadora Fátima Bezerra inaugurou nesta sexta-feira (01) mais uma unidade da Central do Cidadão no município de Mossoró. Mais de R$ 570 mil foram investidos pelo Governo do RN na reforma, por meio do Projeto Governo Cidadão, com recursos provenientes do acordo de empréstimo com o Banco Mundial e apoio da Secretaria de Estado da Administração (Sead).

Durante a solenidade, a governadora destacou: “esta é mais uma ação com foco na melhoria da vida da população do interior, promovendo a prestação de serviços importantes às comunidades. Como, por exemplo, permitindo que cidadãos e cidadãs tenham acesso a um documento, algo essencial para quem busca dignidade, que parece simples, mas nem sempre foi acessível a todos.” Com a unidade de Mossoró já estão funcionando 19 centrais, nesta gestão estadual. Outras duas (Macaíba e Rodoviária de Natal), estão prestes a serem entregues. Ao final da ação, serão 22 novas Centrais do Cidadão, sendo 16 construídas e outras seis reformadas. A unidade de Parelhas foi entregue na gestão passada.

“Ao entregar à Central do Cidadão ao povo de Mossoró, estamos criando condições para a população exercer seus direitos. Um trabalho conjunto das pastas com foco na dignidade do povo potiguar”, destacou o secretário de Infraestrutura, Gustavo Coelho, que também responde pelo Projeto Governo Cidadão.

Considerada de médio porte, com 524,62m² de área construída, a unidade fica situada na Rodoviária de Mossoró, e recebeu melhorias de acordo com o padrão estabelecido para as Centrais do Cidadão, oferecendo mais conforto e comodidade para usuários e servidores em um espaço mais amplo, moderno, organizado e acolhedor.

*SERVIÇOS*

A nova unidade da Central do Cidadão de Mossoró contará com os serviços bancários, Caern, CPF, Datanorte, emissão de carteiras de identidade/Registro Geral (RG) pelo ITEP, orientação de Carteira de Trabalho digital, PROCON, Sistema Nacional de Emprego (SINE), Justiça Eleitoral e RN Empreendedor.

“A atual gestão do governo do Estado vem investindo em cidadania ativa com a expansão das Centrais do Cidadão, em especial a inclusão de novos serviços. Hoje os usuários vão às Centrais não apenas para pagar boletos, mas para ter acesso a Defensoria Pública, delegacias de diversas especialidades, Procon, orientação de crédito, Justiça Eleitoral, por exemplo”, finalizou Virgínia Ferreira, secretária de Estado da Administração.

O horário de funcionamento desta unidade será de segunda a sexta, das 07h às 13h. Com a plena oferta de serviços disponíveis na nova unidade da Rodoviária de Mossoró, a estrutura permitirá a realização de cerca de 2.600 mil atendimentos por mês.

A nova Central do Cidadão da Rodoviária de Mossoró atende principalmente usuários dos bairros Nova Betânia, Abolição, Santa Delmira, Santo Antônio, além de moradores dos municípios de Tibau, Grossos, Areia Branca, Baraúna. A outra unidade que já funciona no Shopping Estação, também em Mossoró, permanece com os atendimentos normais aos cidadãos, das 12h às 18h.

Ainda por meio do Projeto Governo Cidadão, o Governo do RN adquiriu impressoras, televisores, plastificadoras e computadores para as centrais construídas ou reformadas, com a aplicação de aproximadamente R$ 800 mil.

Participaram da solenidade o vice-prefeito de Mossoró, João Fernandes de Melo Neto (Fernandinho); Socorro Batista, adjunta do Gabinete Civil; secretário de Infraestrutura Gustavo Coelho, que também responde pelo Governo Cidadão; Luiz Roberto, coordenador das Centrais do Cidadão; Elaine Cristina, gerente da Central; Joseane Bezerra, subsecretaria do Trabalho; Jonielson Pereira (Detran); Gaspar Pereira, adjunto da Infraestrutura; Prof. Jadson, da 12° DIREC; Leonardo Menezes, diretor do Hospital Rafael Fernandes; João Deon (IDIARN); Emiliana Cavalcanti, diretora da 20ª Regional de Saúde; vereadores da cidade e lideranças políticas da região.

Polícia Civil do RN apresenta resultados de operação no combate a crimes de abuso e exploração sexual de crianças e adolescentes

A Polícia Civil do Rio Grande do Norte (PCRN) apresenta, nesta quinta-feira (30), os resultados da Operação ‘Luz na Infância 9’.

A ação faz parte de uma mobilização nacional para combater crimes de abuso e exploração sexual de crianças e adolescentes na internet e foi articulada pelo Ministério da Justiça e Segurança Pública por meio da Secretaria de Operações Integradas (Seopi).

Na Operação Luz na Infância 9, a Polícia Civil do Rio Grande do Norte (PCRN), por meio da Delegacia Especializada na Proteção da Criança e do Adolescente (DPCA) e da 92ª Delegacia de Polícia (DP de Currais Novos), realizou buscas e apreensões no Estado. O mandado de busca e apreensão cumprido no Centro de Natal, na zona leste, resultou na prisão em flagrante de um homem de 36 anos, pela suspeita da prática do crime de adquirir, possuir ou armazenar, por qualquer meio, fotografia, vídeo ou outra forma de registro que contenha cena de sexo explícito ou pornográfica envolvendo criança ou adolescente; ao longo da diligência, dois notebook e um aparelho celular foram apreendidos. Em Currais Novos, foram apreendidos produtos eletrônicos supostamente utilizados na prática de crimes sexuais contra crianças e adolescentes, sendo: três notebooks, três HDs externos, pen drives e aparelhos celulares. Duas pessoas residentes no imóvel foram conduzidas até a delegacia para prestar esclarecimentos; não houve autuação em flagrante delito.

Os mandados de busca e apreensão foram cumpridos no Brasil e em mais seis países: Argentina, Estados Unidos, Costa Rica, Paraguai, Panamá e Equador. Houve a colaboração da Embaixada dos Estados Unidos no Brasil, por meio da Homeland Security Investigations (HSI).

*Balanço das Operações*
Em suas oito edições anteriores, realizadas entre 2017 e 2021, a ‘Luz na Infância’ já cumpriu mais de 1.600 mandados de busca e apreensão e prendeu cerca de 760 suspeitos de praticarem crimes cibernéticos de abuso e exploração sexual contra crianças e adolescentes em todo o Brasil e nos países participantes da ação.

*Os resultados das operações anteriores foram os seguintes:*

Luz na Infância 1: 20 de outubro de 2017. Foram cumpridos 157 mandados de busca e apreensão de computadores e arquivos digitais. Foram presas 108 pessoas.

Luz na Infância 2: 17 de maio de 2018. As Polícias Civis dos Estados cumpriram 579 mandados de busca, resultando na prisão de 251 pessoas.

Luz na Infância 3: 22 de novembro de 2018. Operação deflagrada no Brasil e na Argentina com o cumprimento de 110 mandados de busca, resultando na prisão de 46 pessoas.

Luz na Infância 4: 28 de março de 2019. Operação deflagrada em 26 estados e no Distrito Federal resultou no cumprimento de 266 mandados e 141 pessoas presas.

Luz na Infância 5: 04 de setembro de 2019. Operação deflagrada em 14 estados e do Distrito Federal, além dos Estados Unidos, Paraguai, Chile, Panamá, Equador e El Salvador. A ação resultou no cumprimento de 105 mandados e 51 pessoas presas.

Luz na Infância 6: 18 de fevereiro de 2020. Operação envolveu policiais civis de 12 estados, além dos Estados Unidos, Colômbia, Paraguai e Panamá. Foram cumpridos no Brasil e nos quatro países 112 mandados de busca e apreensão.

Luz na Infância 7: 06 de novembro de 2020. Operação envolveu policiais civis de 12 estados, além dos Estados Unidos, Argentina, Paraguai e Panamá. Foram cumpridos no Brasil e nos quatro países 136 mandados de busca e apreensão.

Luz na Infância 8: 09 de junho de 2021. Operação envolveu policiais civis de 18 estados, além dos Estados Unidos, Equador, Argentina, Paraguai e Panamá. Foram cumpridos no Brasil e nos quatro países 176 mandados de busca e apreensão.

Dia de São Pedro tem chuvas na faixa litorânea do RN

O Dia de São Pedro (29/06) amanheceu com chuvas em 30 postos monitorados, de acordo com o Sistema de Monitoramento da Empresa de Pesquisa Agropecuária do Rio Grande do Norte(Emparn). Os maiores acumulados, foram de 88.6 mm em Touros, 55,4mm em São Miguel do Gostoso e 28.3mm em Maxaranguape, todos localizados na faixa litorânea. Os dados referem-se ao período das 7h15 de ontem até o mesmo horário de hoje.

“Os sistemas meteorológicos de leste, que se formam no oceano e atingem o litoral, devem continuar até o final de semana principalmente na faixa litorânea potiguar”, explicou o chefe da unidade de Meteorologia, Gilmar Bristot.

A previsão é que esta quarta-feira siga com céu parcialmente nublado com chuvas nas regiões Leste Potiguar, Agreste e Central. Nas demais regiões, céu parcialmente nublado a claro.

O mês de junho vem registrando bons volumes de chuvas em todas as regiões do RN. Dos 167 municípios, 129 apresentaram volumes de chuva de normal a acima do normal.

Acesse o sistema de monitoramento por meio do link a seguir: http://meteorologia.emparn.rn.gov.br/inicio

*Confira a previsão para os próximos dias:*
30/06/22 – quinta-feira – Céu parcialmente nublado a claro em todas as regiões, com possibilidade de pancadas de chuva nas regiões de Mossoró, Vale do Açu, Agreste e Litoral.

01/07/22 – sexta-feira – Céu parcialmente nublado com chuva em todas as regiões.

02/07/22 – sábado – Céu parcialmente nublado a claro em todas as regiões, com possibilidade de pancadas de chuva no Litoral.

03/07/22 – domingo – Céu parcialmente nublado a claro em todas as regiões, com possibilidade de pancadas de chuva nas regiões do Agreste e Litoral.

 

 

Conheça quais são as cinco cidades do RN mais violentas

O Fórum Brasileiro de Segurança Pública divulgou nesta terça-feira (28/6) levantamento que mostra quais são os 30 municípios mais violentos do país. Destes, 5 são do Rio Grande do Norte. Os dados do Anuário Brasileiro de Segurança Pública são com base nos casos registrados entre 2019 e 2021.

Do acordo com o documento, as cidades potiguares na lista são: Umarizal (123,6 mortes para cada 100 mil habitantes), Rodolfo Fernandes (119,6), Extremoz (118,7), Japi (113,3) e Tibau (112,6). As respectivas posições no ranking nacional são: 7ª, 11ª, 12ª, 15ª e 17ª.

O levantamento mostrou que o município de São João do Jaguaribe, no Ceará, é o mais violento do país. A taxa de mortes violentas na cidade cearense chega a 224 para cada grupo de 100 mil habitantes. Jacareacanga, no Pará, vem na sequência com 199,2.

O estudo elaborou um ranking usando como referência o índice de mortes a cada 100 mil habitantes. Neste ano, a novidade foi a inclusão de municípios pequenos, com um cálculo proporcional relacionando a quantidade de moradores e as mortes violentas intencionais, incluindo homicídio doloso, latrocínio (roubo seguido de morte), lesão corporal seguida de morte e assassinatos em ações da polícia.

Cidades do RN mais violentas

Umarizal – 123,6

Rodolfo Fernandes – 119,6

Extremoz – 118,7

Japi – 113,3

Tibau – 112,6

Nosso e-mail: redacaobocadanoite@gmail.com

Ponto Facultativo de São Pedro é transferido para o dia 1º de julho no RN

O Governo do Estado do Rio Grande do Norte transferiu o ponto facultativo do Dia de São Pedro, a ser comemorado pelos fiéis católicos nesta quarta-feira (29), para esta sexta-feira – 1º de julho.
Segundo o Decreto Estadual Nº 31.640, publicado no Diário Oficial do Estado (DOE) desta terça-feira (28), a medida “não se estende aos setores e aos serviços considerados essenciais” por titulares dos órgãos e entidades que, “por sua natureza, não possam ser paralisados ou interrompidos”, principalmente nas áreas de saúde e segurança pública.

Com a transferência do ponto facultativo para o fim de semana, evita-se a interrupção, no meio da semana, de alguns serviços prestados à população. No ponto facultativo, eles devem passar por solução de continuidade, cabendo dispor a sua adesão de parte dos servidores públicos aos dirigentes de órgãos e entidades da administração indireta.

Confira o decreto no Diário Oficial do Estado.

Nosso e-mail: redacaobocadanoite@gmail.com

Vendas na feira da agricultura familiar movimentam mais de meio milhão de reais

Muito mais do que café, almoço e janta, a 1ª Feira Nordestina da Agricultura Familiar e Economia Solidária (FENAFES) – realizada em Natal (RN), de 15 a 19 de junho no Centro de Convenções – comprovou que o movimento camponês tem outras riquezas para ofertar à sociedade. Conhecimento, tecnologia, respeito ao meio ambiente e às diferenças, partilhas, trocas, saberes, sabores e, claro, trabalho, emprego e renda por meio de um dos modos de produção mais remotos da humanidade: a agricultura familiar. No total, cerca de 100 atividades, contando as atrações culturais, mobilizaram um público estimado de pelo menos 20 mil pessoas. Em cinco dias de evento, o faturamento bruto contabilizado nos estandes e na vila gastronômica excedeu a cifra de R$ 600 mil entre produtos frescos, beneficiados, alimentos processados e prontos para consumo.

“A realização da primeira edição da Feira Nordestina da Agricultura Familiar, aqui em Natal, é um marco porque na contramão do que o governo federal vem fazendo, que é o desmonte das políticas públicas dessa área tão importante, o Rio Grande do Norte e o Nordeste estão investindo, estão implementando ações políticas na direção do fortalecimento da agricultura familiar. Um governo comprometido em combater a desigualdade social, que tem compromisso em garantir a segurança alimentar, faz o que o governo do Rio Grande faz e os demais estados do Nordeste estão fazendo: investindo em ações concretas e é isso o que expressa a Feira Nordestina”, declarou a governadora Fátima Bezerra.

Durante a Feira, o Governo do RN entregou o veículo tipo van que funcionará como a Feira Móvel (administrada pela UNICAFES-RN) e 40 certificados de produção agroecológica, em parceria com a Rede Xique-xique por meio do projeto de Certificação Participativa financiado pelo Estado. Também foram oficializados os lançamentos das cervejas Anacardia e Cajanas (produzidas pela cervejaria Bacurim em parceria com UNICAFES-RN, com insumos de frutas nativas potiguares, caju a cajarana), e da série Vozes do Semiárido (disponível no Youtube), sobre a qual a governadora citou que o projeto, executado pela Universidade Estadual do Rio Grande do Norte (UERN), em parceria com Secretaria de Estado do Desenvolvimento Rural e da Agricultura Familiar (SEDRAF), reforça a importância dos homens e das mulheres do campo, e também da sociedade civil organizada comprometida com o setor, como é o caso do cooperativismo, representado por entidades como o Sistema OCERN – Organização das Cooperativas do RN, uma das apoiadoras do evento.

A FENAFES contou com a participação do governador e presidente do Consórcio Nordeste Paulo Câmara (PE), da governadora Regina Sousa (PI), da vice-governadora Eliane Aquino (SE) e da presidente da Fundação Oswaldo Cruz, Nísia Trindade. Estiveram presentes mais de 200 gestores(as) que trabalham com temas pertinentes à agricultura familiar no Nordeste, como agroecologia, acesso à terra e convivência com o semiárido.

Foram inscritas 2.086 mil pessoas nas atividades formativas, recebemos caravanas que totalizaram mais de 2 mil agricultores potiguares para visitar a Feira, que contou com a participação de instituições e movimento sociais nacionais como FIOCRUZ, Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST), Confederações Nacional dos Trabalhadores na Agricultura e na Agricultura Familiar (CONTAG e CONTRAF), Marcha Mundial das Mulheres, Articulação do Semiárido Brasil (ASA), Articulação Nacional de Agroecologia (ANA), e agências de cooperação como o Fundo Internacional de Desenvolvimento Agrícola (FIDA) e o Associação Internacional para Cooperação Popular (IAPC).

REMÉDIO CONTRA FOME

Coordenador da Câmara Temática e do Fórum Eugênio Peixoto de Gestores(as) da Agricultura Familiar do Nordeste, o secretário Alexandre Lima (SEDRAF) reafirmou a importância da 1ª FENAFES no contexto em que o Brasil estima que uma população de 33 milhões de pessoas passa fome, ao mesmo tempo em que o agronegócio ganha espaço no Governo Federal. “Em todos os momentos históricos que a agricultura familiar foi chamada para combater a fome, ela respondeu por ser um elemento importante de superação desse problema. Mas, infelizmente o contexto atual é de um total desmantelamento das políticas públicas de fortalecimento da agricultura familiar. No entanto, no Nordeste, existe uma resistência dos governos regionais, que já estão se articulando em torno do programa unificado que tem a centralidade na agricultura familiar”, disse.

O gestor reforça que parte da solução para superação da fome está no fortalecimento deste importante segmento, que produz mais de dois terços dos alimentos que chegam à mesa da população brasileira. E é nesse contexto, segundo ele, que a articulação entre os estados nordestinos reafirma sua importância estratégica. “O Consórcio Nordeste é um elemento novo que dá liga à problemática regional. Então, o que era pensado separadamente, hoje é de forma articulada, sendo o contraponto ao completo desmantelamento das políticas públicas nacionais, que estão fragmentadas. O Consórcio vai na contramão e na resistência para expressar, de forma muito clara, que é possível sim fazer as coisas e melhorar a vida do povo”.

ENCONTRO DE NEGÓCIOS

A Feira Nordestina foi uma co-realização do Governo do Estado Rio Grande do Norte e a União das Cooperativas da Agricultura Familiar e Economia Solidária do RN – UNICAFES-RN, voltada ao fomento e à valorização da agricultura familiar nordestina. Os nove estados nordestinos marcaram presença, e trouxeram produtos que confirmam a diversidade da região. Presidente da entidade no estado, Fátima Torres destacou a realização de dois Encontros de Negócios que uniram cooperativas e representantes de Associação dos Supermercados do RN (Assurn).

“As redes de supermercado participantes já sinalizaram interesse na aquisição de mel e ovos caipiras do RN e do açúcar demerara de Alagoas. E nós, representando a UNICAFES, aproveitamos para adquirir vegetais dos expositores de outros estados e também ficamos com todo o estoque que sobrou da cooperativa Terra Livre, de cereais e alimentos processados como farinha láctea, achocolatado, sucos orgânicos, entre outros”, disse.

Todos os pavilhões estavam recheados de produtos da agricultura familiar, comercializados segundo preceitos da economia solidária, que prevê o acesso justo ao mercado. Chocolate e café; queijos e seus derivados; cervejas, cachaças e polpas de frutas; castanhas, amêndoas, biscoitos, além do artesanato de fibras vegetais variadas. Também teve troca e venda de sementes crioulas e mudas de plantas cultivadas nos quintais produtivos.

Além da SEDRAF, o Governo do RN esteve representado pelo projeto Governo Cidadão, que financia a inclusão produtiva e fomenta a agricultura familiar potiguar, e investiu na estrutura do evento o valor de R$ 640 mil, fruto do acordo de empréstimo com o Banco Mundial; Secretaria de Estado do Trabalho, Habitação e Assistência Social (SETHAS), que organizou o pavilhão da Economia Solidária; Instituto Técnico de Assistência Técnica e Extensão Rural (EMATER-RN), que esteve presente na organização do evento principalmente no aspecto técnico e nutricional; Fundação José Augusto/SEEC (organizou toda a programação cultural e, diga-se de passagem, um sucesso de público e crítica); e Agência de Fomento (AGN), Instituto do Desenvolvimento Sustentável e Meio Ambiente (IDEMA) e Empresa de Pesquisa Agropecuária (EMPARN).

O evento teve ampla cobertura por meio de gestão integrada de comunicação, que envolveu assessorias públicas, institucionais e de movimentos sociais, e também da imprensa regional, nacional e internacional.

SERVIÇO: Consuma produtos da agricultura familiar e ajude a fomentar esse vasto mercado.

NATAL (RN) – Mercado da Agricultura Familiar – 6h às 14h (esquina das avenidas Jaguarari e Capitão-mor Gouveia); Feira do Centro Administrativa (toda quarta-feira, das 7h às 17h), e fique de olho no calendário da Feira Móvel. Siga @mercadodaagriculturafamiliar. Nas demais cidades do estado, visite feiras agroecológicas e lojas de cooperativas.

Nosso e-mail: redacaobocadanoite@gmail.com

Praias do RN tem 10 pontos impróprios para banho

O Boletim da Balneabilidade das praias do Rio Grande do Norte Nº 23, emitido nesta sexta-feira, 24/6, informa que 23 pontos seguem com condições adequadas de balneabilidade e 10 trechos analisados estão impróprios para banho.

Os trechos identificados como impróprios foram: Foz do Rio Pirangi, em Nísia Floresta; Rio Pium (Ponte Nova), Rio Pium (Balneário Pium), Pirangi do Norte (APURN), Pirangi do Norte (Coqueiros), em Parnamirim; Via Costeira (Cacimba de Boi), Praia do Meio (Iemajá), Redinha (Rio Potengi), Redinha (Igreja), em Natal; e a Lagoa de Pitangui em Extremoz.

Foram coletadas e classificadas amostras de água em 33 pontos distribuídos na faixa costeira situada entre os municípios de Nísia Floresta e Extremoz, a fim de informar aos banhistas quais as condições das praias monitoradas.

As análises registraram os dois locais com 1600 – NMP/100 ml de H2O, cada, que significa a presença de microrganismos pelo Número Mais Provável(NMP). A base dos dados analisa a quantidade de coliformes termotolerantes encontrados nas águas (Resolução nº 274/2000 do Conselho Nacional do Meio Ambiente – CONAMA).

O estudo é uma parceria entre o Instituto de Desenvolvimento Sustentável e Meio Ambiente (Idema), o Instituto Federal de Educação Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Norte (IFRN) e a Fundação de Apoio à Educação e ao Desenvolvimento Tecnológico do RN (FUNCERN), e faz parte do Programa Água Azul.

Para conferir boletins semanais basta acessar www.idema.rn.gov.br

Nosso e-mail: redacaobocadanoite@gmail.com

Rio Grande do Norte passa a contar com sete novos voos vindo das regiões Sul, Sudeste e Centro-Oeste

Em mais uma ação do Governo do Estado do Rio Grande do Norte, por meio da Secretaria de Turismo do Estado (Setur) e da Empresa Potiguar de Promoção Turística (Emprotur) atuando para fortalecer o turismo e todos os outros setores da economia do Estado que passará a contar com os novos voos vindos dessas regiões, a partir deste sábado, 25 de junho, Porto Alegre, Curitiba, Goiânia (das cias aéreas Gol e Azul), Belo Horizonte, Campinas, Cuiabá passarão a ter ligações semanais diretas com o Rio Grande do Norte. Somando um total de 272 mil assentos disponíveis, entre embarques e desembarques, 8% a mais que 2019 e 15% a mais que 2021, o que representa 24 mil assentos a mais que 2019 e 41 mil extras se comparado com o ano anterior.

*SERVIÇO*
*O QUE*: Novas rotas diretas para o RN
*QUANDO* : Sábado, (25/06/2022), 17h15 (chegada do primeiro voo – NAT – POA)
*ONDE*: Aeroporto Internacional Aluísio Alves
*ENDEREÇO* : Av. Dr. Ruy Pereira dos Santos, 3100 – Aeroporto, São Gonçalo do Amarante – RN, 59290-000

 

Secretaria da Administração produz cartilha informativa sobre notícias falsas

A Secretaria de Estado da Administração (Sead), por meio da Escola de Governo (EGRN), lançou nesta terça-feira (21) uma cartilha informativa de combate às fake news. O objetivo é esclarecer o que são, de que maneira surgem e se caracterizam, bem como, principalmente, podem ser identificadas. A publicação está acessível em formato pdf no site www.sead.rn.gov.br.
Para a secretária da Administração, Virgínia Ferreira, o intuito é preparar os leitores na avaliação e identificação de notícias falsas, evitando a desinformação no ambiente em que atuam. “As ferramentas contidas na cartilha servirão para que não apenas os servidores do RN, mas também toda a sociedade conheçam sobre esse fenômeno causador de desinformação, evitando a disseminação de informações fraudulentas. Isso ajuda a diminuir os estragos causados por elas”.
A Cartilha sobre fake news e o Infográfico de como avaliar e identificar uma informação falsa – também publicado no site da Sead – são produtos da pesquisa de inovação “Servidores Públicos do Estado do RN Competentes em Informação: elaboração e realização de cursos sobre fake news no enfrentamento à desinformação”. O estudo é desenvolvido pela bibliotecária documentalista Silvana Souza da Silva, que integra o rol de pesquisadores bolsistas de convênio celebrado entre a Sead/EGRN e a Fundação de Apoio à Pesquisa do Rio Grande do Norte (Fapern) – Edital nº 05/2020.
“É de suma importância que as pessoas criem o hábito de refletir sobre as informações que recebem antes de disseminá-las. Pois só dessa forma vamos conseguir diminuir as mazelas que as fake news nos trazem em todos os contextos da sociedade”, afirmou a pesquisadora.
O conteúdo da cartilha engloba uma breve contextualização do surgimento das fake news, de que forma geralmente se apresentam – se em uma sátira ou paródia, conteúdo enganoso, falso contexto, etc. – e as principais áreas que comumente são alvos de notícias falsas (Política, Saúde, Ciência, Entretenimento, Religião e Propagandas). Também é possível conferir na publicação uma lista de sugestões de agências de checagem, especializadas em descobrir e investigar informações suspeitas de inveridicidades, dentre elas o RN Fato ou Fake, canal criado em 2021 para tirar a limpo o que é verdade e o que é mentira no âmbito norte-rio-grandense.