Fernando Mineiro defende aliança de Lula com Alckmin

Eleito deputado federal pelo Partido dos Trabalhadores (PT) em 2018 e uma das principais lideranças da agremiação, o secretário estadual de Projetos e Metas do Rio Grande do Norte, Fernando Mineiro, defendeu nesta quarta-feira, 5/1, a aliança do PT com o PSB, através do qual o segundo indica o ex-presidencial Geraldo Alckmin como companheiro de chapa do ex-presidente Lula.

Em entrevista a uma emissora de rádio da capital, o ex-deputado estadual Fernando Mineiro foi muito taxativo ao afirmar que é a favor das alianças a nível nacional e estadual. “O PT sozinho não vence as eleições desse ano”, argumentou Mineiro  para defender a união da sigla com outras agremiações e blocos políticos.

“Precisamos criar uma frente ampla para vencer Bolsonaro e garantir a reeleição da governadora Fátima”, completou.

Fernando Mineiro revelou ainda que vai vou colocar seu nome para concorrer a uma vaga de deputado federal nas próximas eleições. “Lula vai precisar de uma Câmara Federal para ajudar a ele a reconstruir o Brasil. Ele vai precisar de uma maioria no Congresso, não só do PT, mas de outros partidos que possam ajudar ele nessa missão”, justificou. Mineiro foi eleito em 2018, mas numa artimanha política e jurídica, Beto Rosado (PP) se mantém na vaga, apesar de o Tribunal Regional Eleitoral do Rio Grande do Norte (TRE/RN) ter diplomado Mineiro.

 

Nosso e-mail: redacaobocadanoite@gmail.com