Alguém, intencionalmente ou sem querer desativou o disjuntor do sistema de energia da Unidade Básica de Saúde (UBS) do bairro Panatis 2000, em Assu. Com isso, houve suspensão temporária do sistema de energia elétrica da unidade, o que pode ter provocado a perda de 34 doses de vacina contra a covid.

O problema aconteceu na noite de quarta-feira. Ontem pela manhã, ao chegar à UBS os funcionários perceberam a situação, registrando-a e comunicando-a imediatamente à Secretaria Estadual de Saúde Pública do Rio Grande do Norte (Sesap/RN).

As vacinas – 30 doses da Pfizer e 4 da AstraZeneca – foram encaminhadas para Natal para análise, que vai apontar se ainda podem ser aplicadas ou não. “As vacinas são conservadas em temperatura de 2 a 8 graus. Quando a equipe percebeu o problema, estava em 10 graus. Como não sabemos por quanto tempo a geladeira ficou sem receber energia, só uma análise mais técnica vai indicar se as vacinas poderão ser aproveitadas”, destacou Camídia Paiva, chefe de Imunizações da Secretaria Municipal de Saúde.

Camídia Paiva destaca ainda que não há como se afirmar se a desativação do disjuntor foi criminoso ou involuntário. Acrescentou também que não houve prejuízo para a população já que as doses foram repostas. A geladeira também tinha vacinas de rotina, além das usadas contra a covid.

 

Nosso e-mail: redacaobocadanoite@gmail.com

 

 
 
 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

De Volta ao Topo