O Conselho Universitário (Consuni) da Universidade Federal Rural do Semiárido (Ufersa) decidiu hoje, 27/10, em reunião ordinária, pela revogação da portaria que estabelecia estudo sobre a viabilidade da transferência da sede do curso de Arquitetura e Urbanismo do Campi Avançado de Pau dos Ferros para o Campus Central em Mossoró.

A reitora da Ufersa, professora Ludmilla Carvalho, informou ao Blog Na Boca da Noite que vai respeitar a decisão do colegiado e que inclusive já está tomando providências para a revogação do mencionado documento. Ela, no entanto, questionou a decisão do Consuni. “Qual a dificuldade de a portaria se manter se ela não era ilegal?”, pergunta.

Ludmilla Oliveira lembrou que a portaria foi publicada após ela ser procurada por um grupo de professores do mencionado curso. “Portaria solicitada por um grupo de professores para fazer estudo de viabilidade acerca da possibilidade de transferência do curso de Pau dos Ferros”, apontou a reitora, ressaltando que tudo estava no campo hipotético.

“A portaria em nenhum momento estava evocando uma certeza, ou decidindo ou afirmando, dizendo que o curso iria ser transferido para Mossoró”, afirmou a reitora, destacando que um pleito dessa natureza não pode começar de maneira superficial, o que justificou a necessidade da criação da comissão para realização do estudo técnico. “Tem que começar com um estudo”, justificou.

A reitoria disse ainda que havia feito consulta à Advocacia Geral da União sobre a legalidade da portaria e que o Consuni tomou conhecimento do parecer positivo do órgão. “Portaria não dizia que iria transferir um curso. O Conselho dentro de sua livre arbitrariedade, decidiu por isso. A reitora já está providenciando a revogação da portaria”, garantiu.

Ludimilla Oliveira também aproveitou para fazer um apelo. “Quero fazer um apelo à sociedade: vamos agir com responsabilidade, com parcimônia. Vamos deixar de evocar conflitos, problemas”, pediu. Ela inclusive descartou que exista pedido de abertura de curso de Arquitetura em Mossoró. “Que se respeite a opinião e o trabalho da reitora. É importante registrar que em momento algum a reitora imaginou que uma situação dessas fosse criada”, pontuou. E finalizou dizendo estar à disposição da sociedade para ouvir.

 

 

Nosso e-mail: redacaobocadanoite@gmail.com

 

 
 
 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

De Volta ao Topo