O Rio Grande do Norte ampliou a oferta da vacina contra a Influenza para toda a população a partir dos 6 meses de idade. A medida segue as recomendações do Ministério da Saúde, que autorizou a ampliação a partir desta quarta-feira, 1º de maio.

A recomendação depende da situação epidemiológica, estoque existente da vacina e da estratégia definida pelas Secretarias Municipais de Saúde. Embora a vacina esteja liberada para toda a população, a Secretaria de Estado da Saúde Pública (Sesap) orienta que os esforços deverão ser continuados para vacinar os grupos prioritários, já que são mais vulneráveis a desenvolver complicações em decorrência da doença: crianças de 6 meses a menores de 6 anos de idade, gestantes, puérperas, idosos com 60 anos ou mais, professores e povos indígenas.

Até o início desta quinta-feira (2), o Rio Grande do Norte aplicou 362.168 doses de vacina contra a influenza, o que representa 31,52% do público-alvo. O estado é o 4º lugar no país em termos de percentual de cobertura, ficando atrás apenas de Rio Grande do Sul, Paraíba e Ceará.

A meta é imunizar, pelo menos, 90% de cada um dos 17 grupos prioritários para a campanha, que no RN somam 1,3 milhão de pessoas. Em 2024 a estratégia de vacinação contra a Influenza teve início antecipado, no mês de março, e a campanha segue até 31 de maio.

 

 
 
 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

De Volta ao Topo