LA deputada estadual Isolda Dantas (PT) anunciou que comporá a Delegação de Autoridades Políticas Brasileiras que visitará a China, em abril. Além de Seminário entre o Partido Chinês e o Partido dos Trabalhadores, a deputada terá reuniões com organizações, universidades e empresas chinesas para tratar do tema da mecanização da agricultura familiar, em busca de garantir, especialmente, a instalação de uma fábrica de máquinas na cidade de Mossoró (RN).
A delegação brasileira será composta por deputados estaduais e federais e senadores do Nordeste, liderada pela presidenta nacional do PT, Gleisi Hoffmann. “Essa viagem é uma oportunidade para estreitar os laços e ampliar a troca de conhecimento, firmando a parceria China-Brasil pelo fortalecimento da agricultura familiar e desenvolvimento em Mossoró e todo o Rio Grande do Norte”, afirma a deputada.
Durante a visita da delegação da China em Apodi, a deputada participou de todas as atividades, dentre elas, reuniões, testagens e o Ato Solene do acordo de cooperação internacional, no qual fizeram parte o Consórcio Nordeste, a Universidade Agrícola da China (CAU), a Associação Internacional para a Cooperação Popular (AICP), Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST), Associação de Fabricantes de Máquinas Agrícolas e o governo federal, por meio do programa Mais Alimentos. Na ocasião, João Pedro Stédile, da direção nacional do MST, anunciou a vinda de uma fábrica chinesa de maquinário para a cidade de Mossoró. Isolda celebrou a oportunidade e assumiu compromisso de concretizar esta promessa.
A agenda da deputada nos próximos dias será em Pequim, Xangai, Xiamen e Fujian inclui visitas às empresas PowerChina, Huawei, Kehua Data (Empresa de Nova Energia), Kelme (empresa de equipamentos e materiais esportivos), CATL (empresa de tecnologia de bateria), Chunlun Group, e às universidades Agrícola da China, Universidade de Shanghai Jiao Tong, além das visitas ao Centro de Inovação da parceria do BRICS para a Nova Revolução Industrial e ao salão de exposições temático “Eliminação da Pobreza” de Ningde.
A deputada informa que nenhuma atividade será custeada com verbas do governo ou da Assembleia Legislativa.
 
 
 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

De Volta ao Topo