Por: Yuri Rocha

Parecia que o jogo caminhava para mais um primeiro tempo que o América não jogava bem, mas com o decorrer do tempo o time alvirrubro foi buscando jogo e mudando o cenário, começou a fazer boa partida, aos 26 minutos abriu o placar com Alvinho, após troca de passes rápidos, Wesley Smith encontrou o camisa 11 que só teve o trabalho de empurrar para as redes, Alvinho fez o seu primeiro jogo como titular e provou que tem espaço entre os 11. Após o gol o Atlético Cearense sentiu não conseguiu incomodar o gol defendido por Samuel Pires, que está de volta ao time, o América soube aproveitar a vantagem no placar e controlou a etapa sem sofrer sustos.

O América iniciou o segundo tempo sofrendo dois sustos, Samuel Pires fez uma boa defesa, no bate rebate a bola sobrou com Edgar que chutou e fez tremer a trave, em um contra ataque de almanaque Esquerdinha tocou entre os zagueiros para deixar Varão sozinho frente a frente com o goleiro e ampliar o placar de forma serena, o goleiro não cresceu pra cima dele. O América continuou dominando as ações do jogo, o Atlético teve um gol desenhado, Lucão e Juninho bateram cabeça, a bola sobrou no jogador que cruzou para o seu companheiro sozinho, embaixo da trave cabecear para fora, o América ainda teve uma chance com Varão que dessa vez parou no goleiro Carlão. A volta da dupla Felipe Guedes e Erick Varão fez bem ao alvirrubro, que sentiu falta no jogo contra o Treze.

O pendurado Esquerdinha não forçou cartão e vai para o jogo que antecede o clássico rei com dois cartões, jogador que é peça fundamental para o time do América.

 

Foto:Fotos: Kely Pereira/FC Atlético Cearense

 

 

 
 
 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

De Volta ao Topo