Valorizar os servidores foi uma das promessas mais repetidas pelo então candidato a prefeito de Umarizal Raimundo Pezão (DEM) nas eleições de 2002. Aproveitando-se do enorme desgaste da gestão anterior, que desrespeitava continuamente os direitos dos trabalhadores, Pezão foi ganhando conceito junto ao eleitorado e acabou se elegendo.

Ao tomar posse, porém, Raimundo Pezão passou a agir exatamente como sua antecessora. A promessa de respeitar inclusive as decisões judiciais favoráveis foi esquecida. “Quando não descumpre o que a Justiça decide, ele recorre para que os servidores não possam ter seus direitos”, denuncia Anba Maria Fidélis, presidente do Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Umarizal.

Ana Maria lamenta que na primeira oportunidade Raimundo Pezão tenha traído a classe trabalhadora. “Ganhamos mais um processo que garante nossos direitos e o prefeito descumpre a decisão da Justiça”, lamenta a sindicalista.

A presidente aponta ainda que no mais recente caso, após anos de espera por uma decisão judicial favorável, o prefeito entrou com contestação no Judiciário. “É mais uma rasteira no servidor”, finaliza.

 

Nosso e-mail: redacaobocadanoite@gmail.com

 

 
 
 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

De Volta ao Topo